Publicado em 17/04/2017 às 08h00.

Elmar Nascimento: ‘Rezo todos os dias para não ter que cassar um colega’

O deputado federal baiano defendeu a Operação Lava Jato, mas pregou "punição exemplar" a delatores que não provarem acusações

Redação
Foto: Alex Ferreira / Câmara dos Deputados
Foto: Alex Ferreira / Câmara dos Deputados

 

O deputado federal baiano Elmar Nascimento (DEM), eleito na semana passada presidente do Conselho de Ética da Câmara, disse que “reza todos os dias para que não tenha a necessidade de cassar mandato de nenhum colega, nenhum deputado”.

Em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo, o parlamentar defendeu a Operação Lava Jato, mas pregou “punição exemplar” a delatores que não provarem acusações. Ele negou proximidade com o ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha (PMDB-RJ), preso em Curitiba.

O democrata foi eleito para presidir o colegiado após uma articulação apontada por colegas como o primeiro passo na tentativa de barrar a cassação dos alvos da força-tarefa da Polícia Federal. Ele disse que os colegas estavam seguros de que ele se “guiará pelos princípios do devido processo legal, da ampla defesa e do contraditório”.

Elmar não integrava o conselho e sua candidatura foi colocada às vésperas da instalação da nova composição do grupo, responsável por analisar pedidos de suspensão de mandato dos parlamentares.

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.