Publicado em 23/03/2016 às 08h28.

Escritório de Alice Portugal é invadido novamente no Canela

De acordo com a deputada federal, tem como recuperar o conteúdo do pen drive e obter, novamente, as imagens das câmeras

João Brandão
(Foto: Divulgação/ Arquivo)
Vandalismo no escritório de Alice Portugal em fevereiro (Foto: Divulgação/ Arquivo)

 

O escritório da deputada federal Alice Portugal (PCdoB) foi invadido, durante a madrugada desta quarta-feira (23), no bairro do Canela, em Salvador. É a segunda vez em menos de dois meses que o local foi arrombado. Antes, no dia 4 de fevereiro, a sala de trabalho foi alvo de criminosos, que jogaram papel para cima, abriram gaveta, armário, mas não levaram nada.

Ao bahia.ba, a parlamentar, que está em Brasília, disse que roubaram apenas um pen drive, que armazena as imagens da câmera de segurança. “Os meus assessores me ligaram. Não quebraram nada, não derrubaram. Apenas pegaram o pen drive das câmeras que botei depois do último arrombamento”, contou.

A comunista teve que antecipar a volta para Salvador por causa do ocorrido. “Vou pegar um voo 9h40. Ia na quinta a noite ou sexta pela manhã, mas tive que antecipar”, completou. Ainda de acordo com a deputada, é possível recuperar o conteúdo que estava no pen drive furtado e obter, novamente, as imagens das câmeras.

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.