Publicado em 14/01/2016 às 12h40.

Ex-chefe da Sucom defende JH e cogita ser candidato a prefeito

Cláudio Silva está filiado ao Solidariedade, partido que abriga o atual chefe da Sucom, Silvio Pinheiro – braço-direito do prefeito ACM Neto (DEM)

Rodrigo Aguiar
Foto: Rodrigo Aguiar/ bahia.ba
Foto: Rodrigo Aguiar/ bahia.ba

 

Ex-superintendente de Controle e Ordenamento do Uso do Solo do Município na gestão de João Henrique de Barradas Carneiro, Cláudio Silva está filiado ao Solidariedade, partido que abriga o atual chefe da Sucom, Silvio Pinheiro – braço-direito do prefeito ACM Neto (DEM) –, e cogita entrar na briga para tentar tomar o posto do democrata.

Em entrevista ao bahia.ba nesta quinta-feira (14), na Lavagem do Bonfim, o atual secretário de Planejamento de Lauro de Freitas revelou: “A gente não pode dizer que é ou não é candidato. Você não pode ser candidato de si mesmo, agora já existe a discussão de alguns partidos nos convidando para que a gente possa compor ou liderar uma frente para também mostrar que é possível fazer a gestão melhor do que está sendo feita”. Perguntado se o convite seria para disputar uma cadeira na Câmara de Vereadores, ele descartou, ao salientar que o seu título “é de Salvador”, que a hipótese é “para o Executivo” e que pode mudar de legenda “até março”.

Criticado por liderar o Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano (PDDU) e a Lei de Ordenamento e Ocupação do Uso do Solo (Louos), embargados pela Justiça, Silva hoje é o responsável pelos mesmos projetos no município vizinho, com entrega prevista para o final de fevereiro ao Legislativo. “O objetivo nosso é que a cidade tenha uma legislação para frente, que a cidade seja pujante, como Salvador teve a oportunidade de ser e hoje a gente vê que, em função da demora da aprovação do plano que está aí, tem hoje um sofrimento muito grande do segmento imobiliário”, avaliou.

Ele defende JH e diz “não acreditar” nas declarações “atribuídas” ao atual prefeito, de responsabilizar o antecessor pela judicialização do PDDU e da Louos e dizer que foi “fácil” substitui-lo. “É claro que é muito fácil substituir João Henrique, quando a equipe de obras do prefeito João Henrique foi mantida por ACM Neto. É o mesmo PMDB, que fez toda a transformação na cidade com grandes obras, que está na gestão de ACM Neto. Também quando os projetos de ponta de ACM Neto estão todos em um plano elaborado por João Henrique, chamado ‘Salvador, capital mundial’”, apontou. O atual secretário municipal de Infraestrutura e Defesa Civil é Paulo Fontana, indicado pelo ex-ministro Geddel Vieira Lima.

Cláudio Silva fez o percurso da Conceição da Praia à Colina Sagrada na ala liderada pelo governador Rui Costa (PT).