Publicado em 14/07/2020 às 21h00.

Ex-secretário do Rio acerta delação e diz ter provas contra Witzel

Acordo foi feito com a Procuradoria-Geral da República mas ainda não foi homologado

Redação
Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil
Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil

 

O ex-secretário de Saúde do Rio de Janeiro Edmar Santos negocia uma delação que envolve o governador Wilson Witzel em casos de corrupção na Saúde. O acordo foi feito com a Procuradoria-Geral da República mas ainda não foi homologado. A informação é do G1

Santos prometeu entregar um conjunto de provas que revelariam a participação do governador no esquema que mandou para a cadeia a cúpula da Saúde no estado, incluindo o ex-secretário.

O governador Wilson Witzel, que responde a um pedido de impeachment na Assembleia do Estado do Rio, disse que o compromisso dele com a população do Rio “é de governar com ética e transparência e que jamais se desviou do caminho da lei e que ninguém pode ser acusado sem provas”.

Mais notícias