Publicado em 13/02/2017 às 17h26.

Félix confirma permanência de Isidório no PDT

Presidente do partido na Bahia disse que expulsão do deputado estadual ficou “no passado” e que sigla saiu vitoriosa com eleição de Coronel

Rodrigo Daniel Silva
Foto: Bruno Concha/ Ag. Haack/ bahia.ba
Foto: Bruno Concha/ Ag. Haack/ bahia.ba

 

Foi sacramentada, em um almoço na tarde desta segunda-feira (13), a permanência do deputado estadual Pastor Sargento Isidório no PDT. Participaram do encontro o presidente da sigla na Bahia, Félix Mendonça, o secretário estadual de Agricultura, Vítor Bonfim, e o próprio parlamentar.

“Não se olha para o passado, o que queríamos era uma renovação na Casa e conseguimos [com eleição de Ângelo Coronel]. Então, esse é um assunto superado. Fica no passado. Vamos passar uma borracha no que aconteceu. O partido saiu vitorioso”, disse Félix, em entrevista ao bahia.ba.

Isidório seria expulso do PDT por descumprir uma decisão da sigla de votar em Coronel. O parlamentar apoiava estadual Marcelo Nilo (PSL), que renunciou antes da disputa. Ao bahia.ba, Isidório disse que se recusou a votar no atual presidente do Legislativo baiano, porque já tinha dado “a sua palavra” para o então candidato do PSL.

“No momento que neguei o voto para o candidato [Coronel], que era do interesse do partido, efetivamente, ficou uma rusga, mas eu já havia dado minha palavra. Ele [Félix Mendonça] entendeu que foi uma palavra dada antes”, afirmou Isidório.

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.