Publicado em 25/06/2022 às 10h00.

‘Ficha criminal de Bolsonaro atingiu nível máximo’, diz Ciro Gomes

"É a prova mais contundente de um crime desta espécie já praticado por um presidente", acrescentou o pedetista

Mattheus Miranda
Foto: Reprodução/Facebook
Foto: Reprodução/Facebook

 

O pré-candidato à presidência da República, Ciro Gomes (PDT), voltou a criticar o presidente Jair Bolsonaro (PL), nesta sexta-feira (24), após o áudio de uma ligação telefônica apontar que o ex-ministro, Milton Ribeiro, foi informado pelo presidente Jair Bolsonaro (PL) sobre a operação da Polícia Federal que resultou em sua prisão.

“A ficha criminal de Bolsonaro atingiu seu nível máximo, com os indícios de que ele agiu deliberadamente para obstruir as investigações contra Milton Ribeiro, em várias etapas. Até quando os poderes vão assistir isso passivamente?”, escreveu Ciro no Twitter.

De acordo com uma gravação obtida pelo portal G1, Ribeiro conta à filha que o presidente achava que fariam uma busca e apreensão em sua casa. “Hoje o presidente me ligou… ele tá com um pressentimento, novamente, que eles podem querer atingi-lo através de mim, sabe?[…] Ele acha que vão fazer uma busca e apreensão… em casa”, disse o ex-ministro.

“A gravação do telefonema do ex-ministro à filha, quando diz, sem rodeios, que fora informado pelo presidente da operação contra ele, é a prova mais contundente de um crime desta espécie já praticado por um presidente. Este crime clama Justiça!”, concluiu o pedetista.

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.