Publicado em 23/09/2021 às 08h53.

Há dois meses do Enem, diretor do Inep pede demissão

Exame Nacional do Ensino Médio está agendado para os dias 21 e 28 de novembro

Redação
Foto: Divulgação / MEC
Foto: Divulgação / MEC

 

O diretor de tecnologia do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), Daniel Miranda Pontes Rogério, pediu demissão nesta quarta-feira (22).

Vinculado ao Ministério da Educação, O Inep é o responsável pela aplicação do Enem, exame que avalia o desempenho dos estudantes brasileiros ao final da Educação Básica. Desde 2004 é usado também como mecanismo de seleção para o ingresso no Ensino Superior e a outros programas federais.

Em nota, o Inep afirmou que “a saída do diretor não compromete o desenvolvimento das ações do Instituto e que a DTDIE [Diretoria de Tecnologia e Disseminação de Informações Educacionais] possui equipe capacitada e especializada para dar continuidade ao desenvolvimento das ações da área”.

Daniel Rogério esteva à frente do departamento desde 9 de abril deste ano, depois da saída de Camilo Mussi. Especialista em Ciência da Computação e em Redes de Computadores, é servidor público de carreira desde 2010.

O Enem 2021 está agendado para os dias 21 e 28 de novembro. Ao todo, o exame registrou 3.109.762 pessoas inscritas, o menor número desde 2005.

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.