Publicado em 17/12/2015 às 14h40.

Jequié: prefeita distribui cargos para escapar do impeachment

Com a administração já desgastada, Tânia Britto fez um mimo à Câmara, nomeando parentes de vereadores para os quadros da administração municipal

Elieser Cesar
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

 

Para tentar escapar do impeachment, cujo processo foi aberto há duas semanas pela Câmara Municipal, a prefeita de Jequié, Tânia Britto (PP), tem um trunfo na manga da blusa: a nomeação de parentes dos vereadores que irão apreciar o pedido de afastamento dela. Por isso, nos bastidores da política local, comenta-se que a ação terminará em pizza. Um indício de que isso poderá acontecer é a mudança de discurso do vereador Ednael Almeida, que declarou que pretende votar pelo impedimento, mas, agora, ponderou que vê fragilidade jurídica.

“Verificando o pedido do processo, vejo fragilidades. Por isso, vou aguardar a defesa da prefeita e o relatório da comissão, para emitir minha opinião”, disse Almeida, em entrevista a uma rádio da cidade. Para embaralhar ainda mais o caso, ele pediu o afastamento também do vice-prefeito, Sérgio da Gameleira “que passou dois anos quieto e concordando com os desmandos em Jequié”.

O processo contra Tânia foi acatado por unanimidade pelos 19 vereadores de Jequié. Para escapar da impugnação, a gestora necessita de sete votos. Ela é acusada de cometer irregularidades na gestão escolar, como o atraso do calendário letivo e a falta de pagamentos a prestadores de serviços da Secretaria Municipal de Educação.

Já com a administração desgastada, a prefeita Tânia Britto fez um mimo a um grupo de vereadores, com a nomeação de parentes deles para cargos na administração municipal. Confira abaixo:

Decreto N.º 15.193 em 15 de Dezembro de 2015 – Nomeia a Srª. Edjaneyde Matos Lopes, para o Cargo em Comissão de Secretária Municipal do Controle e Transparência – Símbolo CC-1, da Secretaria Municipal do Controle e da Transparência. (irmã da vereadora Meyre Lopes).

Decreto n.º 15.186 em 11 de Dezembro de 2015 – Nomear o Sr. San David Pereira Aragão, para exercer o Cargo em Comissão de Diretor do Departamento de Programas e Ação Social – Símbolo CC-2, da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, (Filho do Vereador Manoel Gomes).

Decreto N.º 15.189 em 11 de Dezembro de 2015 – Nomear a Srª. Edinuzia Teixeira Silva, para o Cargo em Comissão de Coordenadora Pedagógica, Símbolo CC-4, da Secretaria Municipal de Educação.

Na semana passada, em uma manobra a la Eduardo Cunha para protelar o processo, Tânia Britto sumiu da cidade e teve que ser notificada do processo de impeachment mediante publicação no Diário Oficial.