Publicado em 08/11/2019 às 18h21. Atualizado em 08/11/2019 às 19h07.

Neto diz não acreditar em mudança no cenário político após liberdade de Lula

O prefeito disse ainda respeitar a decisão do STF

Chayenne Guerreiro / Rodrigo Aguiar / Romulo Faro
Foto: Matheus Morais/bahia.ba
Foto: Matheus Morais/bahia.ba

 

Em entrevista ao bahia.ba na tarde desta sexta-feira (8), o prefeito ACM Neto (DEM) reafirmou sua discordância da decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de barrar a prisão após condenação em segunda instância, o que possibilitou a soltura do ex-presidente Lula no fim da tarde. O presidente nacional do Democratas ponderou, contudo, que a decisão “tem que ser respeitada”.

“Da mesma forma que quando ele foi preso eu disse que esse não era um assunto da política e sim da Justiça, vale agora com a autorização de soltura do ex-presidente Lula. Acho natural, se tem que respeitar a decisão do Supremo, mas não concordo. A decisão do Supremo só vai mudar se o Congresso aprovar uma PEC (proposta de emenda à Constituição). Até lá, o que o Supremo decidir, vale. O ex-presidente passa a ter direito de ficar em liberdade, e não há o que se questionar”.

ACM Neto afirmou ainda que não acredita em uma “mudança brusca” no cenário eleitoral com a liberdade de Lula. “Lula até pouco tempo atrás estava solto… Mesmo em sua prisão continuou fazendo política. Nós sabemos o nicho do PT… Não acredito que exista mudança. A eleição de 2022 está tão distante, e é claro que até lá ele seria solto”.

PUBLICIDADE