Publicado em 17/10/2019 às 16h09.

‘O Democratas vai ficar com o dinheiro de todos vocês aqui’

Presidente da CCJ da Câmara dos Deputados, Felipe Francischini relata conversa de ACM Neto com vice-presidente do PSL, Antônio Rueda

Redação
Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados
Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

 

Em mais um áudio vazado sobre a reunião de quarta-feira (16) entre deputados do PSL, o presidente da CCJ, Felipe Francischini (foto), conta sobre uma ligação entre o prefeito de Salvador e presidente do Democratas, ACM Neto, e o vice-presidente nacional do PSL, Antônio Rueda, para tratar de fusão do PSL com o DEM.

Na gravação, o presidente da CCJ deixa clara a articulação nos bastidores, e alerta os colegas de que o DEM pode acabar ficando com o fundo partidário.

“Ontem a gente foi na casa do Rodrigo. Estava o Mendonça [Filho, ex-deputado e ex-ministro da Educação], estava o Rodrigo ligando para o ACM [Neto], Rueda [Antônio Rueda, vice-presidente nacional do PSL]. Eles estão loucos, esperando para fazer a fusão do Democratas com o PSL. Eu estou tentando segurar essa porra, porque eu não quero que aconteça. Se a bancada passar o recado que não estão (sic) com o partido, eles vão fazer a fusão e vão liberar todo mundo aqui sem levar fundo, sem levar porra nenhuma. E o Democratas vai ficar com o dinheiro de todos vocês aqui. Então, não tem chance de dar certo o jogo com o Palácio, porque eles não combinam o jogo com ninguém.”

Ainda na quarta (16), Neto afastou a possibilidade de uma eventual filiação do presidente da República, Jair Bolsonaro, a seu partido, após rusgas recentes com o PSL.

“Nunca houve nenhuma conversa concreta sobre a possibilidade de Bolsonaro ir ao DEM. Não tenho como especular sobre uma coisa que nunca foi colocada à mesa”. A declaração foi feita em Copenhagen, na Dinamarca, onde participou na última sexta-feira de uma conferência de prefeitos líderes na luta contra a crise climática.

PUBLICIDADE
Temas: ACM Neto , bolsonaro , DEM , fusão , psl

Mais notícias