Publicado em 27/03/2016 às 16h20.

Pezão encerra 1ª fase da quimioterapia para tratar linfoma

Segundo nota do governo do Estado, Pezão reagiu bem às três primeiras sessões de quimioterapia

Agência Estado
Foto: Reprodução/ Agência Brasil
Foto: Reprodução/ Agência Brasil

 

O governador Luiz Fernando Pezão (PMDB) encerrou neste domingo (27) a primeira série de sessões de quimioterapia para tratar o câncer no sistema linfático diagnosticado na última quinta-feira (24). Ele se submeteu a três sessões consecutivas e terá um intervalo de 18 dias, somando um ciclo de 21 dias. O oncologista Daniel Tabak informou que o tratamento terá de seis a oito ciclos.

As drogas da quimioterapia são injetadas no organismo por meio de um cateter colocado abaixo do osso da clavícula, sob a pele. Segundo nota do governo do Estado, Pezão reagiu bem às três primeiras sessões de quimioterapia.

“Estou bem. Agradeço, mais uma vez, as manifestações de carinho que tenho recebido e desejo a todos feliz Páscoa”, disse Pezão por meio da assessoria do Palácio Guanabara. A previsão é de que o governador, internado desde o dia 12 no Hospital Pró-Cardíano, em Botafogo, na zona sul do Rio de Janeiro, tenha alta na terça-feira (29) quando completa 61 anos.

Nesta segunda-feira (28) terá início a licença de 30 dias pedida pelo governador. O vice-governador, Francisco Dornelles, de 81 anos, ex-ministro, ex-senador, ex-deputado e presidente de honra do PP, assumirá interinamente.

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.