Publicado em 26/03/2016 às 16h20.

Protesto na Avenida Paulista tem queimas de ‘Dilmas e Lulas’

De acordo com organizadores, cerca de mil pessoas participam do ato neste sábado (26); Polícia Militar de São Paulo estima 500 manifestantes pró-impeachment

Hieros Vasconcelos
Manifestantes ocupam a Paulista neste sábado (26) (Foto: Evilásio Jr./Bahia.ba)
Manifestantes ocupam a Paulista neste sábado (26) (Foto: Evilásio Jr./Bahia.ba)

Manifestantes pró-impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT) ocupam a Avenida Paulista  neste sábado (26) e dão continuidade aos protestos contra o governo federal, desta vez, com  queima de Judas, tradição católica do Sábado de Aleluia que simboliza a morte de Judas Iscariotes. De acordo com organizadores, cerca de mil pessoas participam do ato. Já a Polícia Militar estima 500 pessoas.

Bonecos representando o ex-presidente Lula e Dilma estão sendo utilizados pelos manifestantes ao longo da avenida, mas também de outros políticos, como o do presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ). Ao bahia.ba, a dona de casa Zilda Dalarico garante que o grupo acampado só vai deixar o local quando o governo cair.  “Só saímos quando o governo cair, e ele vai cair, porque o povo quer”, diz ela.

Questionada sobre a possibilidade do governo conseguir engavetar o processo de impeachment na Câmara dos Deputados, ao conquistar os 172 votos a seu favor, Zilda afirma: “Aí só uma intervenção né, para arrancar esse bando de ladrão que está lá. Aqui é o coração do Brasil, se parar o coração do Brasil, para tudo”.

O estudante e microempresário Anderson Rocha, 26 anos, disse que entre os manifestantes a expectativa continua grande. “A base governista está abandonando o barco”. Se intitulando como apartidário, mas não apolítico, o jovem reconhece que o vice-presidente Michel Temer não é a melhor opção para assumir o comando. “Temer não é a melhor opção. Caçar a chapa e ter novas eleições seria a melhor das opções. Nosso objetivo é mostrar que a nação tem força.  A gente colocou a gente tira”, pontua.

evila1
(Foto: Evilásio Jr./Bahia.ba)

 

Manifestantes acampam há três semanas debaixo do prédio da Fiesp (Foto: Evilásio Jr./Bahia.ba)
Manifestantes acampam há três semanas debaixo do prédio da Fiesp (Foto: Evilásio Jr./Bahia.ba)

 

Malhação de Judas neste sábado (26) (Foto: Agência Estado)
Malhação de Judas neste sábado (26) (Foto: Agência Estado)

 

 

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.