Publicado em 18/03/2017 às 08h30.

Ré por desvio de verba do transporte escolar ganha cargo em Educação

Josefina Maria Castro Santos foi denunciada por desvio de verbas do transporte escolar durante sua gestão em Coaraci, em 2009

Redação

Foto: Fatos e Detalhes
Foto: Fatos e Detalhes

 

Foi publicado no Diário Oficial do Estado deste sábado (18) a nomeação de  Josefina Maria Castro Santos para o cargo de Diretor, símbolo DAS-2D, do Núcleo Territorial de Educação – NTE 05 – de Itabuna, da Secretaria da Educação. Chama atenção, porém, o fato de Josefina ser ré em uma ação do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1) por por desvio de verbas do Programa Nacional de Apoio ao Transporte Escolar (Pnate) em 2009, durante a sua gestão como prefeita de Coaraci, no sul da Bahia.

Conforme a denúncia, que será julgada pela subseção judiciária de Itabuna, também no Sul da Bahia, Josefina participou do esquema de criação de uma empresa para para desviar verbas do Pnate que quintuplicou o gasto do município com transporte. Com a contração da empresa, o gasto foi de R$ 308 mil para mais de um milhão e 600 mil reais.

Na ação, apresentada pelo Ministério Público Federal (MPF), ainda é pedido a inabilitação de Josefina pelo prazo de cinco anos para o exercício de cargo ou função pública. O caso ainda não foi julgado.