Publicado em 03/12/2015 às 10h01.

Rui lidera repúdio de governadores nordestinos contra impeachment

O governador disse que a democracia deve ser respeitada, pois não há nada contra a presidente

João Brandão
Foto: Carol Garcia/ GOVBA
Foto: Carol Garcia/ GOVBA

 

O governador da Bahia, Rui Costa (PT), repudiou o pedido de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff, aceito pelo presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB), no inicio da noite desta quarta-feira (2). O baiano lidera uma manifestação conjunta dos governadores do nordeste, que repudia o pedido de afastamento da mandatária nacional.

Em sua conta no Facebook, o petista disse que a democracia deve ser respeitada, pois não há nada contra a presidente. Além disso, o chefe do Executivo estadual pediu união “para retomar o crescimento econômico”.

“O processo de impeachment, por sua excepcionalidade, depende da caracterização de crime de responsabilidade tipificado na Constituição, praticado dolosamente pelo Presidente da República. Isso inexiste no atual momento brasileiro. Na verdade, a decisão de abrir o tal processo de impeachment decorreu de propósitos puramente pessoais, em claro e evidente desvio de finalidade. […] Em vez de golpismos, o Brasil precisa de união, diálogo e de decisões capazes de retomar o crescimento econômico, com distribuição de renda”, postou Rui.

Diante da decisão do Presidente da Câmara dos Deputados de abrir processo de impeachment contra a Exma Presidenta da Rep…

Posted by Rui Costa on Quinta, 3 de dezembro de 2015

PUBLICIDADE