Publicado em 22/09/2022 às 20h40.

TSE determina que redes sociais apaguem postagens relacionando PT com “kit gay”

Multa será de R$ 5 mil, caso as publicações não sejam retiradas

Redação
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

 

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) determinou nesta quinta (22) que as redes sociais excluam as publicações que associam o PT à distribuição de um suposto “kit gay” nas escolas.

O ministro Paulo de Tarso Sanseverino, tinha arquivado o caso por entender que trecho da entrevista não infringiria a legislação eleitoral. Porém, a maioria dos ministros acompanharam o presidente do TSE, Alexandre de Moraes, que determinou a retirada de todo e qualquer conteúdo sobre o tema. Quem não apagar posts relacionando o PT ao kit terá que pagar multa diária de R$5 mil.

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.