Publicado em 04/05/2016 às 10h24.

Vereadoras defendem projeto que troca nome de circuito para Daniela

Outrora rivais, as edis justificaram o projeto que tira o nome do circuito de Carnaval de Dodô para colocar o da cantora baiana

João Brandão
(Foto: Evilásio Junior / bahia.ba)
As vereadoras Kátia Alves (à esquerda) e Vânia Galvão (Foto: Evilásio Junior / bahia.ba)

 

As vereadoras de Salvador Kátia Alves (SD) e Vânia Galvão (PT) são rivais no campo político, mas uma opinião em comum as deixam lado a lado. Em entrevista ao programa Uziel Tá Área, com Evilásio Junior, na Rádio Vida FM (106,1), nesta quarta-feira (4), as edis defenderam o nome de Daniela Mercury em substituição a Dodô, no circuito da Barra no Carnaval de Salvador.

Para a ex-presidente da Limpurb, não há como associar Dodô sem Osmar – o outro inventor do trio elétrico que dá nome ao circuito do Campo Grande. “Estou na defesa deste projeto. Pode contar comigo. Não se separa Dodô de Osmar. Ninguém está querendo reduzir o valor de Osmar no Carnaval, mas também podemos abrir espaços para as mulheres”, opinou.

Autora do projeto que foi aprovado na Câmara Municipal, Vânia Galvão disse que o papel da substituição não é desmerecer o precursor da folia momesca. “Eu não vejo e não consigo dissociar Dodô de Osmar. Nós não pretendemos desconsiderar o papel de Dodô no nosso carnaval. Claro que a gente precisa preservar a história. Eles que fizeram de fato o carnaval. Poderia ser o nome de Ivete, Margareth, de Claudia […] De qualquer outra cantora. Mas inegavelmente foi ela. O circuito tem a cara de Daniela”, justificou.

Nesta terça-feira (3), o Conselho Municipal do Carnaval (Comcar) rejeitou a proposta. O prefeito ACM Neto (DEM) disse que aguardava a decisão para acatar ou recusar a indicação de mudança.

PUBLICIDADE