Publicado em 27/06/2022 às 06h34.

Fagner, Elba Ramalho e Bell encerram primeira etapa do São João no Parque de Exposições

Festa será retomada na próxima quinta-feira (30), com shows de Simone e Simaria, Thiago Aquino e outros

Redação
Foto: Mateus Pereira/GOVBA
Foto: Mateus Pereira/GOVBA

 

Chegou ao fim, neste domingo (26), a primeira etapa do São João da Bahia no Parque de Exposições de Salvador. Neste último dia, Bell Marques, Fagner, Elba Ramalho, Zelito Miranda e Israel e Rodolffo levantaram a plateia ao som de músicas como Frevo Mulher, Festa do Interior, Olha pro céu e, claro, hits do Chiclete com Banana.

Zelito Miranda abriu os trabalhos com seu forró autêntico e tradicional: “eu quero parabenizar o Governo do Estado e a Bahiatursa, que fizeram um trabalho belíssimo aqui na capital e também no interior. Aqui, no Parque de Exposições, eu encontrei uma estrutura muito bonita, muito bem feita e a gente fica emocionado”.

Zelito destacou a importância de se promover o São João da Bahia. “Essa retomada é muito importante para a cadeia produtiva da cultura. Eu emprego diretamente 21 pessoas na minha produção. Mas ainda tem os empregos indiretos, as rendas que cada família consegue obter com o trabalho da gente. Incentiva também a cadeia produtiva do entorno do São João, com as comidas e bebidas típicas, tudo o que a festa representa”, afirmou.

Elba Ramalho entrou após a dupla goiana Israel e Rodolffo e não deixou ninguém ficar parado. “A Bahia está virada na alegria, virada no encontro, virada na vontade de festejar, de comemorar, de reencontrar as pessoas. O São João é uma festa que tem muita força, beleza e tradição para todos nós que somos nordestinos”, comemorou.

Em seguida, o público, em coro, acompanhou os maiores sucessos do Chiclete com Banana. Além do repertório da banda, Bell levantou a poeira com diversas músicas de outros artistas.

“O São João sempre foi, indiscutivelmente, o maior evento do estado da Bahia. Eu sempre toquei muito no São João. Mas eu acho que nós todos estamos, talvez, um pouco mais felizes, pois passamos por momentos muito difíceis e a festa está sendo boa em todas as cidades que eu passo. Esse é um reflexo muito bacana. Fica bem claro para mim que as pessoas querem se divertir, participar e estar presentes”, avaliou Bell.

Fagner encerrou a noite com chave de ouro. “Esse movimento do Poder Público de aproximar o artista do público é uma necessidade de todos, dos artistas que ficaram muito tempo parados, do público que respeita, que gosta, que tem história e quer reviver essa história. Por isso, eu preparo o repertório com tanto cuidado. Eu tenho uma história muito grande com a Bahia e com todos os parceiros”, lembrou.

Segunda parte do São João da Bahia

Na quinta-feira (30), começa a segunda parte do São João da Bahia, até o dia 2 de julho, com Simone e Simaria, Thiago Aquino e diversas outras atrações.

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.