Publicado em 02/08/2022 às 18h47.

Mulher suspeita do assassinato da adolescente de 15 anos é presa

A prisão aconteceu em Alto de Coutos, no Subúrbio Ferroviário

Redação
Foto: Divulgação/ Ascom-PC
Foto: Divulgação/ Ascom-PC

 

Uma das mulheres suspeitas de envolvimento na morte da estudante de 15 anos, foi presa nesta terça-feira (2), por policiais civis. A adolescente caminhava até a escola, no centro de Salvador, junto com a mãe e a irmã, de 12 anos, quando foram abordadas por duas mulheres. A prisão aconteceu menos de 12 horas após o crime.

A mulher foi localizada por investigadores do Departamento de Polícia Metropolitana (Depom), em um beco, dentro de uma construção abandonada em uma invasão, em Alto de Coutos, no Subúrbio Ferroviário. As diligências vinham sendo realizadas ininterruptamente por equipes do DHPP, do Depom, do Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco) e do Departamento de Crimes Contra o Patrimônio (DCCP). 

A Polícia permanece nas buscas da segunda envolvida no crime, que já foi identificada e qualificada ainda durante a manhã. 

De acordo com o delegado Reinaldo Mangabeira, da Delegacia de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP), a adolescente foi atingida por um disparo que atingiu o lado esquerdo do peito.

Cristal Rodrigues acabou morrendo após ser atingida durante um assalto, em frente ao Passeio Público, na manhã desta terça. Câmeras de segurança capturaram o momento do crime. 

Há Informações iniciais de que uma das suspeitas está ferida, após ter sido atingida na hora do crime contra a adolescente.

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.