Publicado em 28/07/2021 às 22h20.

Prefeitura inaugura sistema de iluminação em LED no Engenho Velho da Federação

Programa Iluminando Nosso Bairro contemplou 192 logradouros do bairro com 1.138 pontos de LED

Redação
Foto: Betto Jr./Secom
Foto: Betto Jr./Secom

 

O Engenho Velho da Federação foi beneficiado com a instalação de 1.138 pontos de LED em 192 logradouros, após a chegada do programa Iluminando Nosso Bairro. A modernização da iluminação pública na região recebeu investimento de R$1,3 milhão e foi entregue pelo prefeito Bruno Reis, na noite desta quarta-feira (28).

A ação mudou todo o aspecto visual da localidade, contribuindo para aumentar a sensação de segurança dos moradores, principalmente quem sai muito cedo ou chega tarde em casa. Mais luminosas, as lâmpadas de LED são mais duráveis, eficientes e econômicas, em comparação com os antigos pontos de iluminação de vapor de sódio.

“O Iluminando Nosso Bairro é um dos programas de maior sucesso na cidade. Já modernizamos quase 80% da nossa rede de iluminação com o que há de mais moderno e eficiente hoje, possuindo consumo menor e manutenção barata. Além disso, a Prefeitura tinha, por ano, um gasto de R$50 milhões em energia, que foi reduzido para R$35 milhões”, declarou Bruno Reis.

Na ocasião, o prefeito ainda autorizou a vistoria para a realização do INB em todo o bairro da Federação. A localidade possui hoje 2.173 pontos em 331 logradouros. Também estiveram presentes na entrega simbólica a secretária de Ordem Pública (Semop), Marise Chastinet, e o diretor de Iluminação Pública (Dsip), Junior Magalhães.

Benefícios
No quesito eficiência, esses novos dispositivos precisam de bem menos quantidade de corrente elétrica para gerar luminância equivalente às potências das tradicionais lâmpadas de vapor de sódio, que emitem luz amarelada, por exemplo. A durabilidade das lâmpadas de LED também é superior, tendo vida útil entre 25 mil a 100 mil horas, enquanto as de sódio chegam a contabilizar entre 18 mil a 32 mil horas de uso.

Outro benefício é que os equipamentos em LED colaboram para a sustentabilidade do meio ambiente, pois, não há existência de gases no bulbo da lâmpada e os materiais de fábrica utilizados são, em sua maior parte, recicláveis e atóxicos para a natureza.

Além disso, os refletores e as luminárias que são instalados nesse processo de modernização da iluminação pública em Salvador são compatíveis para receber o sistema de telegestão que permite, dentre outros serviços, controlar os equipamentos de forma remota, assim como realizar a identificação imediata de ocorrências para manutenção.

Balanço
Em apenas dois anos de criação, o INB já modernizou 70% da cidade. Apenas este ano, o programa já beneficiou mais de 15 localidades da capital baiana. Foram alcançados os bairros de Cajazeiras II, IV, V, VI, VII, VIII, X e XI, onde foram instalados 3.910 pontos de iluminação em LED, além de Campinas (843 pontos), Cosme de Farias (1.659), Tancredo Neves (1765), Alto do Coqueirinho (88), Resgate (389), Ribeira (469), Mussurunga (2.660) e Vila Laura (410).

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.