Publicado em 11/10/2019 às 11h40.

Presidente da Limpurb pede que população não manuseie óleo em praias da capital

Segundo Marcus Passos, a Limpurb estará a postos neste final de semana para tratar do assunto

Breno Cunha / Élida Oliveira
Foto: Élida Oliveira / Bahia.ba
Foto: Élida Oliveira / Bahia.ba

 

O presidente da Limpurb, Marcus Passos, disse que a Prefeitura de Salvador está preparada e ficará à disposição nos próximos dias monitorando a chegada do óleo misterioso às praias da capital baiana.

Segundo ele, o material coletado será levado para um “local isolado” a fim de que seja analisado. “À medida em que esse material for chegando a gente vai avaliar o quantitativo”, falou.

Marcus Passos fez um apelo para que a população não entre em contato direto com o material nas praias, por uma questão de segurança: “Não manuseie esse material, ligue imediatamente para a Limpurb, através do 156”.

Segundo o presidente, há equipes da Seman (Manutenção), Codesal (Defesa Civil de Salvador) e Sedur (Urbanismo) a postos para cuidar do assunto. “A diretoria do Ibama também está vindo para cá, é uma ação em conjunto municipal, estadual e federal para minimizar esse dano”, falou.

PUBLICIDADE