Publicado em 28/11/2015 às 08h51.

Segurança de bar agride clientes que questionam promoção

Confusão foi gerada pelo não cumprimento de desconto anunciado e situação virou caso de polícia

João Brandão

Comemorar aniversário de um amigo em um boteco é sinal de muita animação e descontração, mas não para a turma de Eduardo Teixeira, que celebrava os 17 anos no Bar Picanhas, localizado na entrada do Parque Júlio César, no bairro da Pituba, em Salvador, na noite desta sexta-feira (27). O jovem foi ao local com outras três pessoas, por causa de uma promoção, mas o grupo acabou agredido por questionar um erro na conta.

Tudo ia bem, até que os rapazas resolveram pedir o fechamento do consumo, já por volta das 2h deste sábado (28). “Eles anunciaram que a cerveja Original ia sair por R$ 3,50 no cupom [gerado por um aplicativo de smartphone], mas quando fui ver a conta, eles só tinham computado duas cervejas da promoção. Eles não avisaram que tinha que gerar outro cupom para continuar a pagar R$ 3,50 na cerveja”, contou Eduardo ao bahia.ba. A contestação levou o segurança a agredir o aniversariante e mais dois amigos.

O segurança agrediu três dos quatro amigos
O segurança agrediu três dos quatro amigos

A violência foi flagrada pelo bahia.ba. Nas imagens, é possível ver ainda o vigilante ameaçar quem tentava apaziguar a situação. A reportagem tentou falar com algum representante do estabelecimento – até mesmo com o próprio agressor –, mas nenhum funcionário quis comentar o ocorrido.

Os jovens registraram um boletim de ocorrência (BO) horas depois na Central de Flagrantes, no Iguatemi, e se submeteram a exame de corpo de delito, na manhã deste sábado, no Instituto Médico Legal Nina Rodrigues. A Polícia Civil promete investigar o caso.

Segurança de bar agride clientes que questionam promoçãoConfusão foi gerada pelo não cumprimento de desconto anunciado e situação virou caso de polícia

Posted by Bahia.ba on Sábado, 28 de novembro de 2015

PUBLICIDADE