Publicado em 10/12/2019 às 21h40.

Anvisa: 23% de alimentos analisados têm agrotóxicos acima do limite ou proibidos

Foram analisadas 4.616 amostras, coletadas nas redes varejistas (supermercados), entre agosto de 2017 e junho de 2018

Redação
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

 

Resultados do Programa de Avaliação de Resíduos de Agrotóxicos (Para), divulgados nesta terça-feira (10) pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), apontam que foram encontrados resíduos de agrotóxicos acima do limite permitido ou proibidos para cultura em 23% dos alimentos avaliados entre 2017 e 2018.

Foram analisadas 4.616 amostras, coletadas nas redes varejistas (supermercados), entre agosto de 2017 e junho de 2018. No total, foram monitorados 14 alimentos, que representam 30,86% do que é consumido pela população. As coletas incluíram amostras de abacaxi, alface, arroz, alho, batata-doce, beterraba, cenoura, chuchu, goiaba, laranja, manga, pimentão, tomate e uva.

Não foram constatados resíduos de agrotóxicos em 49% dos alimentos analisados e em outros 28% eles estavam dentro do permitido pela agência.

Em relação às amostras que apresentaram inconformidades, a maioria (17,3%) apresentou exclusivamente detecção de ingrediente ativo não permitido para a cultura (NPC).

Todas as demais situações de inconformidade incluem as detecções de ingrediente ativo em concentração acima do limite (2,3%), ingrediente ativo proibido no país (0,5%) ou amostras com mais de um tipo de inconformidade (2,9%).

 

 

PUBLICIDADE

Mais notícias