Publicado em 12/01/2019 às 16h30.

PDT indica apoio a Maia na disputa pela presidência da Câmara

Se concretizado, aceno de Carlos Lupi, presidente da sigla, pode enfraquecer bloco de oposição

Redação
Foto: Bahia.ba
Foto: Bahia.ba

 

O presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, afirmou em entrevista ao ao jornal O Estado de S. Paulo que a maioria do partido decidiu indicar neste sábado (12) apoio à reeleição do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), apoiado pelo PSL, do presidente da República, Jair Bolsonaro, e pela maioria dos partidos do Centrão.

Maia é o favorito na disputa e, com o PDT, enfraquecerá o campo de oposição a Bolsonaro.

“O partido fez um indicativo de apoio ao nome dele, mas priorizando ainda a conversa com o bloco com PSB e PCdoB”, disse Lupi ao Estado. Segundo ele, a aliança com Maia é “amplamente majoritária” na bancada do pedetista na Câmara.

Lupi pondera, no entanto, que ainda busca um acordo com o PSB e o PCdoB, que agora inclui o PPL. Dirigentes dos partidos devem se reunir na terça-feira para tomar uma posição. Lupi diz que, até lá, o apoio a Maia ainda não está garantido. Ele diz avaliar se o PDT pode se isolar dos outros partidos para apoiar o atual presidente da Câmara. “Eu senti muita dificuldade do PSB, mas tenho que apoiar o decorrer desse processo”, afirmou.

PUBLICIDADE