Publicado em 15/04/2021 às 11h56.

Estado passa a fazer parte do sistema do Registro Nacional de Acidentes de Trânsito

A Bahia entrou para o grupo de 15 estados que já disponibilizam as informações sobre as ocorrências nas vias

Redação
Foto: Ascom/DETRAN-BA
Foto: Ascom/DETRAN-BA

 

O Departamento Estadual de Trânsito (Detran-BA) finalizou nesta semana a integração ao sistema do Registro Nacional de Acidentes e Estatísticas de Trânsito (Renaest), implantado pelo Ministério da Infraestrutura. A Bahia entrou para o grupo de 15 estados que já disponibilizam as informações sobre as ocorrências nas vias.

Segundo o Detran-BA, o levantamento dos dados é feito pelo próprio órgão, em parceria com as secretarias estaduais da Infraestrutura (Seinfra), Segurança Pública (SSP) e Saúde (Sesab), Batalhão de Polícia Rodoviária da PM (BPRv), Transalvador e Polícia Rodoviária Federal (PRF).

As informações sobre o número de acidentes e os locais em que eles aconteceram, com o perfil das vítimas e quantidade de feridos e mortos, são consolidadas pelo Detran-BA e enviadas ao sistema Renaest, disponível no portal do ministério .

No primeiro relatório, com dados de janeiro de 2018 a outubro de 2020, a Bahia registrou 52.874 acidentes de trânsito, com 79.645 vítimas não fatais e 5.002 mortes. As estatísticas completas do período estão disponíveis no site do Detran-BA, no campo “Consulta/Registro de acidentes”.

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.