Publicado em 12/11/2015 às 07h00.

Letreiro digital pode ser arma contra assalto em ônibus

Proposta é inspirada em iniciativa adotada em Minas Gerais

Redação
Em Minas, o letreiro digital reduziu assalto de forma drástica Foto: Divulgação
Em Minas, letreiro digital reduziu assalto em ônibus Foto: Divulgação

A Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA) aprovou um projeto de lei, de autoria do deputado Adolfo Viana (PSDB), que poderá diminuir o número de assalto a ônibus nas cidades e nas estradas. Viana propõe a instalação de um dispositivo que emitirá um pedido de socorro pelo letreiro digital do veículo que, em lugar do itinerário, estampará s seguinte mensagem: “Assalto-polícia 190”

O deputado diz que se inspirou numa iniciativa adotada pelas empresas de transportes urbanos de Santa Luzia, município da Região Metropolitana de Belo Horizonte (MG). “Após a medida, a média de assalto a ônibus na região caiu de quatro para um por dia”, informa Adolfo Viana. Ele observou ainda que o dispositivo para a emissão da mensagem se revelou mais eficaz do que as câmeras de segurança instaladas nos ônibus.

Em Salvador, por exemplo, o número de assaltos a ônibus aumentou 64% no primeiro semestre de 2015, em relação ao mesmo período do ano passado. Segundo a Secretaria de Segurança Pública, foram 796 casos nos seis primeiros meses de 2014, contra 1.309 registrados no mesmo período deste ano.