Publicado em 25/07/2021 às 09h30.

Cade abre diligência sobre venda de ativos da Oi

Se o negócio for confirmado, Claro, Vivo e TIM terão 98% do mercado nacional de redes móveis

Redação
Foto: arquivo/Agência Brasil
Foto: arquivo/Agência Brasil

 

A venda de ativos da Oi para a Claro, Vivo e TIM vai enfrentar dificuldades no Cade, o órgão federal de defesa da livre concorrência. A Superintendêncai Geral do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) decidiu fazer novas diligências e classificou a operação como complexa.

A superintendência também deve pedir mais prazo para analisar o caso. A decisão cabe à diretoria colegiada do Cade.

As outras três telefônicas venceram o leilão das redes móveis da Oi em dezembro do ano passado, por R$ 16,5 bilhões. Em recuperação judicial desde 2016,a Oi é a quarta operadora do país. Com esta aquisição, Claro, Vivo e TIM passarão a ter 98% do mercado. Com informações da Exame.

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.