Publicado em 31/10/2018 às 08h21.

‘Medíocre e pouco inteligente’, diz Onyx sobre reforma da Previdência de Temer

Futuro ministro da Casa Civil de Bolsonaro afirma ser contrário” à proposta do atual governo e defende a chamada 'Previdência fásica'

Redação
Brasília - Entrevista com o deputado Onyx Lorenzoni, durante a votação do Impeachment da presidente Dilma Rousseff (Valter Campanato/Agência Brasil)
Brasília – Entrevista com o deputado Onyx Lorenzoni, durante a votação do Impeachment da presidente Dilma Rousseff (Valter Campanato/Agência Brasil)

 

Futuro ministro da Casa Civil do governo Bolsonaro, o deputado federal reeleito Onyx Lorenzoni (DEM-RS) classificou a reforma da Previdência do governo Temer de “medíocre e pouco inteligente”, segundo a Coluna do Estadão, do jornal O Estado de S. Paulo.

Em discurso no plenário da Câmara em junho de 2017, Lorenzoni disse que “sempre será contrário” à proposta do atual governo e sugere que o sucessor —no discurso ele já apostava que seria Bolsonaro —implemente a chamada “Previdência fásica”. Nesta semana, Bolsonaro disse que vai trabalhar pela aprovação de parte da proposta do governo.

A “Previdência fásica” foi apresentada a Onyx e a Bolsonaro pelos professores da Unifesp Arthur e Abraham Weintraub. Num pedido de audiência pública, de maio deste ano, o futuro ministro disse que os docentes estavam sendo perseguidos por terem se aproximado de Bolsonaro.

PUBLICIDADE