Publicado em 26/10/2021 às 13h59.

Movimentação Econômica de Salvador caiu 2,1% em agosto

Passageiros no aeroporto internacional de Salvador (-11,1%) foi a variável que mais influenciou no resultado

Redação
Foto: Fernando Frazão/Agencia Brasil
Foto: Fernando Frazão/Agencia Brasil

 

Em agosto de 2021, o Índice de Movimentação Econômica de Salvador (IMEC-SSA)  caiu 2,1%, na comparação com o mês anterior (série com ajuste sazonal), após crescer de 0,2% em julho de 2021.

Os dados são da Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI), autarquia vinculada à Secretaria do Planejamento (Seplan). Segundo a SEI, essa taxa negativa contribuiu para o índice perder parte do ganho acumulado entre abril e julho (19,1%).

Quatro das seis variáveis que compõe o indicador puxaram o índice para baixo:

–  Passageiros no aeroporto internacional de Salvador (-11,1%), que apontou a variação negativa mais expressiva, devido ao fim das férias do meio de ano.

– Consumo de combustível (-11,1%), devido aos reajustes sucessivos em seus preços.

– Passageiros de ônibus urbanos (-2,4%).

– Consumo energia elétrica (-0,4%).

Em contrapartida, passageiros de ônibus intermunicipais (6,3%), e carga portuária (9,0%) avançaram. É importante destacar que o mês de agosto também foi marcado pela prorrogação de algumas medidas de combate à pandemia. Como a suspensão da realização de shows, festas, públicas ou privadas, e afins, independentemente do número de participantes, até meados do mês, refletindo no Índice.

Seguindo a mesma trajetória, o indicador avançou 28,8% quando comparado com o mês de agosto de 2020. Nos oito primeiros meses do ano, acumula alta de 12,1%, e nos últimos 12 meses acumula queda de 2,3%.



Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.