Publicado em 08/11/2019 às 17h37.

Produção industrial na Bahia lidera ranking após avanço de 4,3% em setembro

Na comparação com igual mês de 2018, a indústria baiana assinalou queda de 1,4% e no acumulado do ano houve redução de 2,9% em relação ao mesmo período do ano anterior

Redação
Foto: Pedro Moraes/GOVBA
Foto: Pedro Moraes/GOVBA

 

A produção industrial da Bahia avançou 4,3% no mês de setembro, em comparação a agosto. De acordo com a Pesquisa Industrial Mensal (PIM), feita pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), esse foi o maior crescimento entre os 15 locais pesquisados pelo instituto. Os dados sistematizados pela Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI) nesta sexta-feira (8).

Segundo o secretário do Planejamento, Walter Pinheiro, a industria de transformação e extrativa mineral baiana teve um crescimento maior que o nível nacional. “superando todos os demais locais pesquisados, inclusive muito superior ao crescimento nacional, que ficou em apenas 0,3% nesta mesma comparação. Vale registrar que foram dois meses consecutivos de crescimento, o que sinaliza para uma importante recuperação do setor industrial da Bahia”, disse o secretário.

Pinheiro ainda disse que o destaque ficou por conta do setor de refino de petróleo, segmento com maior peso na indústria baiana, atribuído ao aumento das exportações, que só em setembro atingiu 157%. Na comparação com igual mês de 2018, a indústria baiana assinalou queda de 1,4% e no acumulado do ano houve redução de 2,9% em relação ao mesmo período do ano anterior.

PUBLICIDADE

Mais notícias