Publicado em 04/03/2021 às 10h11.

Campeã do BBB 20, Thelma Assis perde ação na Justiça contra Eduardo Bolsonaro

A juíza responsável pelo caso, Cinara Palhares, justificou a decisão afirmando que Thelma deixou transcorrer o prazo da emenda à petição inicial. A ação pode ser proposta novamente

Redação
Foto: Youtube/ Twitter
Foto: Youtube/ Twitter

 

A ex-BBB Thelma Assis, campeã da 20ª edição do reality show, perdeu o processo que movia contra o deputado federal Eduardo Bolsonaro, por danos morais.

A ação era referente a comentários feitos pelo filho do presidente Jair Bolsonaro sobre a viagem de final de ano feita por Thelma na companhia de Rafa Kalimann, Bruna Marquezine e Manu Gavassi.

O anúncio foi feito pelo próprio parlamentar em suas redes sociais e comemorado por ele e seus apoiadores.

“Agora é definitivo! Thelminha, ex-BBB, perde pra mim na Justiça. Me processou por mostrar sua hipocrisia (recebeu R$ 180 mil da Prefeitura de SP pra mandar o povo ficar em casa, mas seguiu viajando normalmente). Pedido extinto pela Justiça, que reconheceu que falei a verdade”.

De acordo com o documento apresentado por Eduardo Bolsonaro, a juíza responsável pelo caso, Cinara Palhares, da 15ª Vara Cível de São Paulo, justificou a decisão afirmando que Thelma deixou transcorrer o prazo da emenda à petição inicial, solicitada pela Justiça, isto é, não foram analisadas as provas do caso.  A ação pode ser proposta novamente.

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.