Publicado em 24/10/2019 às 18h40.

Ecad: artistas recebem R$ 5,5 milhões por músicas tocadas em festas juninas

Entre as mais tocadas estão músicas como 'Olha pro céu', 'Cobaia', 'Pagode russo', 'Notificação preferida' e 'Eu só quero um xodó'

Redação
Foto: Rosilda Cruz/Bahiatursa
Foto: Rosilda Cruz/Bahiatursa

 

Os grandes compositores das canções consagradas no São João, como ‘Olha pro céu’ e ‘Festa na roça’, receberam cerca de R$ 5,5 milhões pelas músicas tocadas nas festas juninas. Segundo divulgou nesta quinta-feira (24) o Ecad, escritório responsável pela arrecadação e distribuição dos direitos autorais, houve um aumento de 32% no repasse aos artistas, com relação ao mesmo período em 2018.

Ao todo, foram contemplados 9.883 artistas, que tiveram suas músicas tocadas em clubes, bailes e shows. “Isso quer dizer que quase 10 mil artistas tiveram a remuneração garantida nas festas juninas e podem continuar vivendo da sua arte, criando mais músicas”, diz a instituição.

Mais tocadas

Como no ano passado, as músicas típicas dominam o ranking das mais tocadas em clubes, bailes e outros eventos. ‘Festa na roça’, clássico de Palmeira e Mario Zan, foi a mais tocada nas festas juninas desse ano, seguida de ‘Olha pro céu’, ‘Pagode russo’, ‘Eu só quero um xodó’ e ‘Fogo sem fuzil’.

No top 3 de canções mais tocadas em shows de festas juninas estão ‘Cobaia’, escrita por Bruno Calíman; ‘Cem mil’, de Tierry Coringa e Gusttavo Lima; e ‘Notificação preferida’, de Vini Show, em parceria com Junior Gomes e Os Parazim.

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.