Publicado em 17/08/2016 às 09h20.

Relatório do TCU pede punição a Rio 2016

O documento é fruto de um estudo de três anos finalizado às vésperas dos jogos, no dia 4 de agosto

Redação
TCU. Foto: Divulgação
TCU. Foto: Divulgação

 

A área técnica do Tribunal de Contas da União (TCU) fechou um relatório em que propõe punição aos gestores dos Jogos Olímpicos, segundo o ministro Augusto Nardes. O problema está no plano de legado dos Jogos. O documento é fruto de um estudo de três anos, que foi finalizado às vésperas dos jogos, no dia 4 de agosto.

O ministro ainda avaliará o relatório para decidir seu voto, mas, no entanto, ressalta que a mudança de governo, o fez “ter a prudência” de não condenar imediatamente. “Mas tem alguns [responsáveis pelos Jogos] que estão em funções há muito tempo e poderão ser penalizados.”

Punição – Podem responder ao TCU apenas gestores da União ou os que receberam dinheiro federal. Além disso, são dois os tipos de penalidades previstas. Uma, a menos provável, é obrigar as pessoas físicas da organização a compensar os cofres públicos na proporção do desfalque. A outra possibilidade, é uma multa que pode chegar a R$ 50 mil.

PUBLICIDADE
Temas: Relatório , Rio 2016 , TCU