Publicado em 30/10/2016 às 11h20.

Forte terremoto atinge centro da Itália

Tremor de 6,6 na escala Richter causou o desabamento de prédios e deixou seis feridos em pequenas cidades da Úmbria; cidades e hospitais foram evacuados

Rebeca Bastos
Foto: Reprodução Sky Itália
Foto: Reprodução Sky Itália

 

Um terremoto de magnitude 6,6 na escala Richter – o mais forte a ocorrer na Itália em 36 anos – abalou a região central do país às 7h40 da manhã deste domingo (30), horário local (4h40, horário de Brasília). Prédios e igrejas ruíram em pequenas cidades da Úmbria, na região central. Até o momento, foram encontradas dezenas pessoas feridas sob os escombros, uma em estado grave.

Segundo as primeiras informações, as cidades mais atingidas são pequenas localidades na Úmbria, como Castelsantangelo, Norcia e Preci, a cerca de cem quilômetros de Perúgia. No momento do abalo principal, muitas pessoas estavam nas estradas, em direção a capital, Roma. A Catedral de Norcia, construída em 1556, desabou com a força do abalo. Um pequeno prédio em Tolentino, a poucos quilômetros do epicentro, também veio abaixo. Meia hora depois, o serviço geológico americano registou outro pequeno tremor, desta vez de 4,3. Por precaução, pequenas cidades no entorno do epicentro e alguns hospitais foram evacuados.

A região vem sofrendo com uma sequência de terremotos desde agosto, quando um sismo de magnitude 6,2 deixou 294 mortos. Nesta semana, quatro sismos já haviam atingido a região, e no sábado (29) ontem, um pequeno tremor de 4,5 foi registrado nas proximidades da cidade de Norcia.

Com agências de notícias.