Publicado em 14/08/2016 às 15h00.

Papa Francisco volta a fazer apelo por refugiados

Durante o Angelus, o pontífice afirmou que Deus pede às pessoas que ajudem aquelas que fogem de perseguições

Agência Brasil
Papa Francisco (Foto Claude Truong Ngoc/ Wikimedia Commons)
Papa Francisco (Foto Claude Truong Ngoc/ Wikimedia Commons)

 

O papa Francisco voltou a fazer, neste domingo (14), um apelo em nome dos refugiados. Durante o Angelus, celebrado na praça São Pedro, o pontífice afirmou que Deus pede às pessoas que ajudem aquelas que fogem de perseguições em seus países.

“É o próprio fogo do Espírito Santo quem nos faz ficar próximos dos outros, das pessoas que sofrem, dos necessitados, de tantas misérias humanas, de tantos problemas: dos refugiados, dos solicitantes de refúgio. É aquele fogo que vem do coração”, disse Jorge Bergoglio.

Desde que assumiu o comando da igreja católica, em março de 2013, o papa faz constantes discursos em defesa dos refugiados, principalmente após o agravamento da crise migratória no mundo, em meados do ano passado.

Na última quinta-feira (11), Francisco chegou até a almoçar com refugiados sírios que foram acolhidos pelo Vaticano.