Publicado em 09/11/2015 às 10h45.

Parlamento da Catalunha aprova início do processo para se separar da Espanha

Agência Estado

O Parlamento da Catalunha aprovou nesta segunda-feira uma resolução para iniciar um processo de independência da Espanha em 2017, por 72 votos a favor e 63 contra, em uma medida que entra em desacordo com as instituições nacionais e eleva as tensões políticas com Madri.

A proposta de iniciar uma “desconexão democrática” foi aprovada depois de um debate de duas horas. O primeiro-ministro, Mariano Rajoy, que disse que o impulso separatista representa um grande desafio a ser enfrentado nas eleições nacionais em dezembro, afirmou que vai usar toda a autoridade de seu cargo para suspender a licitação.

Antes da votação, Rajoy chamou a resolução de “um ato de provocação” e que ia contra a Constituição da Espanha e da vontade da maioria na Catalunha.

O governo de Rajoy disse que vai pedir ao Tribunal Constitucional nesta semana para ter a resolução declarada nula. Especialistas legais disseram que o tribunal quase certamente irá proibir a Catalunha de tomar quaisquer medidas para colocar a resolução em vigor.

A resolução pede para que Parlamento da Catalunha inicie no prazo de 30 dias a preparar leis para criar instituições de segurança social e fiscais independentes. Partidos pró-independência disseram que esperam completar o processo de separação dentro de 18 meses. (Fonte: Dow Jones Newswires.)

PUBLICIDADE
Temas: Catalunha , Espanha