Publicado em 15/01/2017 às 20h00.

Ligação clandestina desviava 40 mil litros de água por dia

Fraude beneficiava 25 famílias dos povoados de Riachinho, Nanica e Barreiras Norte, embora o volume fosse suficiente para abastecer 80 casas

Redação
Foto: Hebert Régis l Ascom Embasa
Foto: Hebert Régis l Ascom Embasa

 

A Empresa Baiana de Água de Saneamento (Embasa) identificou uma ligação clandestina que desviava 40 mil litros de água por dia na zona rural de Barreiras, no oeste baiano.

De acordo com a companhia, a fraude beneficiava 25 famílias dos povoados de Riachinho, Nanica e Barreiras Norte, embora o volume fosse suficiente para abastecer 80 casas no período. As comunidades reclamavam constantemente de escassez do serviço, o que levantou a suspeita da concessionária.

Segundo a Embasa, esta é a quinta vez que os técnicos identificam gatos no mesmo ponto, na rede distribuidora localizada à margem da BA 447, na saída da cidade para Angical.

PUBLICIDADE