Publicado em 10/05/2017 às 11h32.

Polícia prende suposto mandante de ataque a bar que matou adolescente

A corporação acredita que o crime tem relação com uma briga pelo controle do tráfico de drogas local

Redação

A Polícia Civil de Eunápolis, no sul baiano, prendeu na noite desta terça-feira (9) o suposto mandante de um ataque a um bar que matou, por engano, uma jovem de 15 anos e feriu outros dois rapazes no último sábado (6). Além do adulto, um menor foi apreendido sob a acusação de fazer parte do bando.

Segundo o G1, o delegado responsável pela investigação preferiu não divulgar a identidade do homem para evitar interferências nas apurações. Outros três envolvidos no caso já foram identificados e são procurados pela corporação.

O crime teria sido uma vingança, fruto de uma disputa de grupos rivais pelo controle do tráfico de drogas local. De acordo com a polícia, quatro integrantes de uma das facções teriam tentado matar o suposto rival. No sábado, o quarteto bebia em um bar onde o atentado ocorreu, mas conseguiu fugir e as balas atingiram os três inocentes.

Os dois sobreviventes permanecem internados no Hospital Regional de Eunápolis e não há detalhes sobre o estado de saúde.

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.