Publicado em 25/01/2017 às 14h40.

Policial é morto a tiros e polícia já tem suspeito

José Carlos era lotado na Delegacia de Jussari, mas trabalhava atualmente para a 6ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Coorpin/Itabuna)

Redação

Um escrivão da Polícia Civil foi morto a tiros, nesta quarta-feira (25), no município de Camacan, no sul baiano. O corpo da vítima, José Carlos Teixeira, foi encontrado às margens da BR-101. Os investigadores já têm um suspeito de ser o autor do crime, mas não divulgou o nome.

José Carlos era lotado na Delegacia de Jussari, mas trabalhava atualmente para a 6ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Coorpin/Itabuna). De acordo com a polícia, ele estava em Jussari, onde tem familiares, e voltava para Itabuna.

“Estamos solidários e à disposição da família deste nosso valoroso servidor. Determinei imediatamente o reforço do efetivo na região e as ações de inteligência já foram iniciadas pelo Departamento de Inteligência Policial (DIP)”, informou o delegado-geral da unidade, Bernardino Brito.