Publicado em 30/01/2017 às 17h20.

Prefeito contraria MP e mantém carnaval: ‘Não pode mandar na prefeitura’

O gestor frisou que o carnaval deste ano será "pobre" e que, em 2018, fará um grande festejo com artistas não só locais como de Salvador

Redação
Foto: Reproduçao/Verdinho de Itabuna
Foto: Reprodução/Verdinho de Itabuna

 

O prefeito de Itabuna, no sul da Bahia, Fernando Gomes (DEM), fez um discurso duro contra o Ministério Público (MP-BA) durante o lançamento do carnaval da cidade na última sexta-feira (27). A birra se deu por causa da recomendação do órgão de não realizar a festa no município, em decorrência do decreto de emergência, com crise hídrica e situação financeira delicada.

“Não posso mandar no MP, assim como o MP não pode mandar na prefeitura. Eu sou um prefeito eleito pelo povo, está na Constituição. Sou homem de sentar na mesa e dialogar, mas não sou homem pra aceitar ordem de ninguém. A que eu aceito é daqueles que me elegeram”, disse na ocasião.

O gestor frisou que o carnaval deste ano será “pobre” e que, em 2018, fará um grande festejo com artistas não só locais, mas também de Salvador.

Confira o vídeo:

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.