Publicado em 18/04/2021 às 09h00.

André Mendonça ganha força por vaga no STF, diz jornal

Julgamento de abertura de templos na pandemia de coronavírus agradou muito Bolsonaro

Redação
André Mendonça, ministro da Justiça, e o presidente Bolsonaro (Foto: Divulgação/AGU)
André Mendonça, ministro da Justiça, e o presidente Bolsonaro (Foto: Divulgação/AGU)

 

O ministro da Advocacia-Geral da União (AGU), André Mendonça, deu um passo bastante importante para ser indicado ao Supremo Tribunal Federal (STF). A defesa feita no julgamento sobre a proibição de celebrações religiosas, como cultos e missas, em templos e igrejas durante a pandemia de Covid-19, agradou muito o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), de acordo com o jornal Gazeta do Povo.

Apesar disso, a indicação ainda não está garantida. O ministro Humberto Martins, presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), também está sendo cogitado para a vaga. Nos bastidores, políticos como Arthur Lira (PP-AL), presidente da Câmara, e o senador Renan Calheiro (MDB-AL), atuam a favor de Martins.

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.