Publicado em 13/02/2017 às 17h46.

Crivella visita STF para convencer sobre ‘legalidade’ de nomeação

Prefeito garante que ato é legal e tenta provar que o filho "tem competência e idoneidade" para ocupar cargo

Jaciara Santos
Foto: Divulgação
Crivella e família, durante a campanha (Foto: Divulgação)

 

O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella (PRB), está fazendo na tarde desta segunda-feira (13) uma maratona de visitas pelos corredores do Supremo Tribunal Federal (STF) para convencer os ministros da Corte sobre a legalidade da nomeação de Marcelo Hodge Crivella, seu filho, para a Casa Civil da prefeitura fluminense.

O cargo é considerado um dos mais estratégicos da administração local. Na última quinta-feira (9), o ministro Marco Aurélio Mello, do STF, suspendeu a nomeação do filho de Crivella para o cargo. “Vamos provar que estamos dentro da lei, que ele tem competência e idoneidade. É só uma questão de conversar. O Marcelo (filho) não é suscetível, nem melindroso. Sabe que a vida pública não é concurso de beleza. É o preço que se paga para conquistar o coração do povo”, disse o prefeito do Rio, ao lado do filho.

Crivella afirmou que pretende concluir as conversas com os ministros ainda nesta segunda-feira.

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.