Publicado em 11/12/2015 às 08h34.

Vereador Elinaldo é solto menos de 24h após ser preso

A informação foi confirmada pelo advogado do democrata, Gamil Föppel, ao bahia.ba

João Brandão

Após ser preso em plena Câmara Municipal de Camaçari nesta quinta-feira (10), o vereador Antonio Elinaldo (DEM) foi solto, no primeiro horário da manhã desta sexta (11), depois de a Justiça conceder, no final da noite anterior, o habeas corpus solicitado pela defesa. Como o alvará de soltura não pode ser expedido durante a madrugada, o político teve de passar a noite no Complexo Penitenciário da Mata Escura, em Salvador, e só foi liberado por volta das 8h desta sexta (11).

De acordo com o advogado Gamil Föppel, o argumento foi de que o suspeito tem profissão definida e residência fixa. Ele afirmou que a prisão era ilegal, pelo fato de haver uma investigação em curso e o próprio Elinaldo ter sido ouvido. “Essa prisão foi totalmente descabida”, protestou o jurista, em entrevista ao bahia.ba.

O democrata foi acusado de integrar um grupo que explorava o jogo do bicho na cidade e teria movimentado cerca de R$ 5 milhões nos últimos três anos. Ele e mais quatro pessoas foram indiciados pelos crimes de jogos de azar, sonegação fiscal, organização criminosa e lavagem de dinheiro.

O edil, que se diz “vítima de um golpe sujo do PT”, responderá ao processo em liberdade.

PUBLICIDADE