Publicado em 07/06/2019 às 11h25.

Novo Amor, a rádio que Dapé usava, fora do ar

O pano de fundo é político

Levi Vasconcelos

Com um passivo de multas por crimes eleitorais que já ultrapassa os R$ 10 milhões, a rádio Novo Amor, ou FM 98.5, de Eunápolis, pertencente ao ex-deputado Paulo Dapé, agora se deu mal. Decisão da 5ª Turma do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1), em Brasília, manteve a cassação da concessão da emissora de 2009, a partir de uma denúncia do Ministério Público Federal (MPF).

A emissora foi condenada porque foi liberada para funcionar em Teixeira de Freitas e mudou-se para Eunápolis sem pedir autorização. Mas o pano de fundo é político.

A Bahia tem 183 emissoras FM e 55 AM. Grande parte faz uso político ostensivo, como era o caso de Dapé com a rádio Novo Amor. Uma prática que privilegia os donos nas pelejas que deveriam ser iguais para todos os postulantes.

Levi Vasconcelos

Levi Vasconcelos é jornalista político, diretor de jornalismo do Bahia.ba e colunista de A Tarde.

PUBLICIDADE