Publicado em 22/08/2019 às 12h20.

Prefeitura encaminhará PL que proíbe sacolas plásticas e canudos em supermercados

Proposta prevê prazo de um ano para que estabelecimentos se adaptem à mudança

Marina Aragão / Matheus Morais
Foto: Max Haack/Secom
Foto: Max Haack/Secom

 

O prefeito ACM Neto (DEM) anunciou que o Executivo municipal encaminhará um projeto de lei (PL) que proíbe a utilização de sacolas plásticas e a comercialização de canudos em supermercados de Salvador. O PL será enviado à Câmara Municipal na próxima semana, informou o prefeito. 

De acordo com ele, o texto prevê o prazo de um ano para que os estabelecimentos se adaptem à mudança. O anúncio foi feito nesta quinta-feira (22), durante coletiva de imprensa no quarto dia da Semana do Clima.

“Essa é uma ação concreta de um conjunto de providências que virão, para, quem sabe, a gente poder almejar a meta de, em 2049, Salvador neutralizar a emissão de carbono”, disse Neto.



Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.