Publicado em 24/02/2020 às 12h02.

Rui Oliveira diz que APLB realiza assembleia para discutir greve após o Carnaval

Sindicato pretende ainda entrar com uma ação, no Supremo, contra a reforma da Previdência aprovada na Bahia.

Chayenne Guerreiro / Matheus Morais
Foto: Matheus Morais
Foto: Matheus Morais

 

O coordenador-geral do Sindicato dos Professores e Trabalhadores em Educação do Estado da Bahia (APLB-Sindicato), Rui Oliveira, afirmou em entrevista ao bahia.ba nesta segunda-feira (24), que o sindicato pretende entrar com uma ação, no Supremo, contra a reforma da Previdência aprovada na Bahia.

“Estamos aqui protestando contra o governo federal, estadual e municipal. A reforma da Previdência, no nosso meio, não acabou ainda. Estamos entrando com uma ação, no Supremo Tribunal Federal, pra tornar sem efeito aquela votação, tendo em vista que ocorreram diversos vícios”, explicou.

Ainda de acordo com o coordenador, uma assembleia está marcada após o Carnaval para discutir uma possível greve. “A luta continua! Logo depois do Carnaval vamos realizar uma assembleia com indicativo de greve na rede estadual”.

PUBLICIDADE