Publicado em 16/09/2021 às 07h42.

Após assassinato e casal queimado vivo, Barra passa a ter novo comandante da PM

Região tem registrado onda de violência; major Uildnei Carlos toma posse na 11ª Companhia Independente nesta quinta-feira (16)

Redação
Foto: Nara Gentil/Correio
Foto: Nara Gentil/Correio

 

Palco de uma verdadeira onda de violência nos últimos meses, a Barra terá um novo comandante da Polícia Militar que atende a região. O major Uildnei Carlos do Nascimento assume nesta quinta-feira (16) a chefia da 11ª Companhia Independente. Ele substitui o major Jailton Carvalho.

A troca ocorre uma série de crimes recentes. Entre eles, tiroteios e assassinatos. No dia 5 de setembro, três pessoas foram baleadas no Porto da Barra. Rodrigo Cerqueira de Jesus, de 29 anos, conhecido como Tosto, foi morto após ser baleado na Rua Barão de Sergy. A mãe dele e um amigo também foram baleados. O crime ocorreu a cerca de 100 metros da praia.

Em agosto, no dia 16, um casal em situação de rua foi queimado vivo. Homem e mulher tiveram mais de 90% do corpo queimado e não resistiram aos ferimentos. O suspeito do incêndio criminoso foi preso. Um dia depois, um corpo, com pés amarrados com corrente, foi encontrado boiando na praia.

A região da Barra também tem sido palco de vários tumultos ao longo do fim de semana, com aglomerações e pessoas pulando a balaustrada para burlar a fiscalização da Guarda Municipal e ter acesso à praia.



Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.