Publicado em 10/02/2016 às 15h20.

Arcebispo lança campanha da fraternidade ecumênica em 2016

"Casa comum, nossa responsabilidade" é o tema da campanha deste ano que vai reunir outras denominações religiosas em torno do lema "quero ver o direito brotar como fonte e correr a justiça qual riacho que secou"

Ivana Braga

 

Foto: Ivana Braga/ Bahia.ba
Foto: Ivana Braga/ Bahia.ba

 

O arcebispo de Salvador e primaz do Brasil, dom Murilo Krieger, lançou na tarde desta quarta-feira de Cinzas (10) a Campanha da Fraternidade Ecumênica 2016 que tem como tema “casa comum, nossa responsabilidade” e o lema “quero ver o direito brotar como fonte e correr a justiça qual riacho que secou”. A temática, este ano, faz uma reflexão sobre a proposta contida na encíclica do Papa Francisco que sugere cuidados com a casa comum.

Ao lançar a campanha, dom Murilo teve ao seu lado representantes de outras igrejas, como o reverendo anglicano Bruno Almeida, do pastor luterano Nelson Kilpp, de Sonia Mota, da igreja presbiteriana, e do frei Jorge Rocha, católico.

A ideia da campanha ecumênica, segundo dom Murilo, e abrir para outras igrejas as discussões sobre o tema.