Publicado em 01/05/2019 às 10h20.

Centrais sindicais fazem ato contra reforma da Previdência no Farol da Barra neste feriado

"A outra grande tarefa que temos é construir a greve geral no País", disse o presidente da CUT na Bahia, Cedro Silva

Redação
Foto: Divulgação/ CUT-BA
Foto: Divulgação/ CUT-BA

 

O Dia do Trabalhador será marcado por um ato no Farol da Barra, a partir das 14h desta quarta-feira (1°). Na ocasião, as centrais sindicais prometem protestar contra a reforma da Previdência e o fim da aposentadoria.

Para o presidente da Central Única dos Trabalhadores na Bahia (CUT-BA), Cedro Silva, a união será fundamental para realização do ato.
“O 1° de Maio será marcado pela luta em defesa da previdência e pela liberdade de Lula. A outra grande tarefa que temos é construir a greve geral no País. Para que isto aconteça, é imprescindível a unidade de toda sociedade da Bahia”, ressaltou.

Ainda segundo a CUT-BA, atos são organizados na capital e no interior do estado como nas cidades de Serrinha, Senhor do Bonfim, Paulo Afonso, Serrinha, Feira de Santana, Eunápolis, Itamaraju, Juazeiro, Vitória da Conquista, Itapetinga, Teixeira de Freitas.
O ato contará com um show da banda de forró Filomena Bagaceira.