Publicado em 25/01/2016 às 08h08.

Combate a transporte clandestino na RMS é alvo de força-tarefa

Trabalho, que ainda não tem data certa para começar, inclui também a fiscalização sobre os táxis ilegais que circulam no Aeroporto de Salvador

Redação
Foto: Divulgação Detran.
Foto: Divulgação Detran.

 

O combate ao transporte clandestino na Região Metropolitana de Salvador fez com que a prefeitura da capital, o governo do Estado e as concessionárias de ônibus e do metrô atuem juntos para operacionalizar a implantação de uma força-tarefa. O trabalho, que ainda não tem data certa para começar, inclui também a fiscalização sobre os táxis ilegais que circulam no Aeroporto de Salvador e em outras áreas da cidade.

De acordo com a Secretaria de Mobilidade Urbana de Salvador, a criação do grupo já estava definida no contrato que definiu as regras de circulação de transporte na cidade e vai substituir o convênio que dava à Polícia Militar poder de atuar nesses casos em parceria com os agentes municipais.

 

PUBLICIDADE