Publicado em 06/12/2019 às 17h07.

Passageiros ficam presos por quase duas horas dentro de avião após pane elétrica

Nem a empresa, Gol Linhas Aéreas, e nem o a Vinci Airports, empresa que administra o Aeroporto de Salvador, se pronunciaram sobre o que teria acontecido com a aeronave

Bianca Rocha

 

Foto: Gol/Divulgação
Foto: Gol/Divulgação

 

Um voo da empresa Gol Linhas Aéreas teve uma pane elétrica, após pousar no Aeroporto de Salvador, na tarde desta sexta-feira (6). O voo veio do aeroporto de Congonhas, em São Paulo, com destino a Salvador. Por causa da pane, os passageiros que estavam na aeronave ficaram sem ar-condicionado e com as portas travadas.

Segundo testemunhas, o voo pousou na capital baiana por volta das 14h35, e só às 16h20 uma saída de emergência foi liberada para a evacuação das pessoas que estavam dentro da aeronave.

A assessoria de imprensa da Gol informou que iria verificar o que realmente teria acontecido.

Ainda segundo as testemunhas, o piloto havia informado para quem está na aeronave que existem apenas três formas de recarregar a energia do avião, mas o Aeroporto de Salvador não conta com nenhuma delas. A Vinci Airports, empresa que administra o Aeroporto de Salvador, também não se pronunciou sobre o que aconteceu e nem sobre a falta dos equipamentos para a recarga do avião.